"Vós que lá do vosso império, prometeis um mundo novo...CUIDADO, que pode o povo, querer um mundo novo a SÉRIO!" In: António Aleixo

16/05/2010

SEMPRE O MESMO... SÃO OS MAIS CARENCIADOS A PAGAR OS DEVANEIOS DOS MAIS ABONADOS!!!

Pelo menos a verdade

O"Congresso das Bruxas" (na linguagem berbequiniana de Emídio Rangel), reunido em torno do "contabilista desnecessário" (para usar a fina elegância verbal do ainda governante açoriano), não chegou a tempo de iluminar as teses cor-de-rosa do nosso primeiro-ministro.

Certeiramente, com uma pontaria digna de registo, a corte de Bruxelas antecipou-se e, com um valente "puxão de orelhas", obrigou José Sócrates a renegar numa noite as ilusões com que, durante alguns anos, tentou mascarar a dolorosa realidade propagada por todos aqueles a quem chamou "bota-abaixistas". Mas nem assim foi capaz de impedir mais um desastroso disparate - o contrato para fazer um TGV entre o Poceirão e Caia…
De modo que, como estava bom de ver, vamos alegremente para o aumento dos impostos. O caminho mais fácil, o único que os governantes conhecem. Não é o caminho da recuperação, mas também já ninguém acredita nesse futuro.

Mais uma vez, falta a coragem de cortar nas despesas inúteis, ou mesmo imorais, nos desperdícios, nas mordomias, no egoísmo e na ganância, no favorecimento de alguns em prejuízo de todos, no uso imoderado do Estado para servir os amigos.

O Papa Bento XVI, que trouxe muitas lições e alguma esperança, colocou o dedo na ferida de que, com sincera humildade, aqui tenho falado repetidamente: há crise, sim, mas de valores.

Pelo menos, de verdade!

Artigo de Opinião no Jornal de Notícias, por António Freitas Cruz

Nota:

Quando é que o Povo diz BASTA??? Quando estiver morto???

5 comentários:

direitinho disse...

E cada dia mais do mesmo e o disco parece que só tem mesmo esta música.

A. João Soares disse...

Caro Luís,

Também coloquei um pequeno post com um extracto do artigo, no Do Miradouro.
O grande mal é que os políticos não páram com esta imoralidade, porque têm benefício nela. Qualquer alteração que façam será para aumentarem o seu benefício, sofra quem sofrer. A solução, infelizmente, tem que passar por acções populares do estilo do que está a acontecer na Grécia ou na Tailândia. Para nosso mal isso traz vítimas inocentes e estragos de património. E quem ocupar o poder depois, continuará a esmagar o povo que, para eles, vale tanto como a relva dos estádios para os futebolistas.

Os abusos dos exploradores criou a crise, mas quem a paga são os mesmos de sempre.

Um abraço
Do Mirante

Luis disse...

Caríssimos Amigos,
O que custa é ver que há quem ganhe o que segue e os sacrificios não lhes toquem:
Salários e Reformas “pornográficas”
Marques Mendes - Novo Pensionista !
Aos 50 anos de idade e com 20 anos de descontos como Deputado, Marques Mendes acaba de requerer a Pensão a que tem direito, no valor mensal vitalício de 2.905 euros mensais. Contudo, um trabalhador normal tem de trabalhar até aos 65 anos e ter uma carreira contributiva completa durante 40 anos para obter uma reforma de 80% da remuneração média da sua carreira contributiva.
Odete Santos
Declaração de rendimentos da camarada Odete Santos, em 2005
Deputada e Presidente da Assembleia Municipal de Setúbal
Trabalho dependente - 48.699,48€
Trabalho Independente - 6.860,19€
Rendimentos prediais - 1.369,38€
Património Imobiliário
- 1 prédio urbano em Setúbal,
- 1 fracção em Setúbal,
- 3 prédios rústicos na Guarda,
- 22 prédios rústico na Guarda
- Automóveis - 1 ligeiro Lancia.
- Contas Bancárias :
Certificados de aforro do Inst.Gestão Financeira no valor= 2.400.000 €
Mais 5 certificados de aforro no valor de:
300 mil €
621 mil €
400 mil €
1.613.000 €
391 mil €
Paulo Teixeira Pinto
Passou 'à situação de reforma em função de relatório de junta médica'.
Certamente ainda mal refeito da forma como foi corrido do BCP e da Opus Dei, este banqueiro de 46 anos foi considerado inapto para o trabalho, apesar de já ter arranjado um cargo numa consultora financeira.
Teixeira Pinto nega ter recebido 10 milhões de euros de 'indemnização pela rescisão do contrato' com o BCP, garantindo que apenas recebeu a 'remuneração total referente ao exercício de 2007':9.732 milhões de euros em 'compensações' e 'remunerações variáveis'.
António Carrapatoso
Noticiado que prescreveu uma dívida de 700.000,00 Euros. Porque razão prescreveu esta dívida? Porque razão não se procedeu à cobrança coerciva, dado que o contribuinte em causa não tem, nem nunca teve, paradeiro desconhecido? Esta dívida não pode prescrever porque se trata de dinheiro devido ao Estado, ou seja a TODOS NÓS.
Vítor Constâncio
Ganha 272.628,00 €/ano, 19.473,50 €/mês.
António Pereira Marta
Ganha 244.174,00 €/ano, 17.441,00 €/mês. Acumula a este salário a sua reforma do mesmo Banco de Portugal (???)
José Martins de Matos
Ganha 237.198,00 €/ano, 16.942,70 €/mês.
José Silveira Godinho
Ganha 273.700,00 €/ano que acumula com uma pensão da BP no valor de 139.550,00 €/ano, de que resulta 29.517,86 €/mês
Vítor Rodrigues Pessoa
Ganha 276.983,00 €/ano que acumula com uma pensão no valor de 39.101,00 €/ano, de que resulta 22.577,43 €/mês
Manuel Ramos Sebastião
Ganha 227.233,00 €/ano, 16.230,93 €/mês.

Mira Amaral
Saiu da Caixa Geral de Depósitos (CGD) com uma reforma de gestor 18.000,00 €/mês. Na altura acumulava uma pensão de 1.800,00 €/mês, como deputado e 16.000,00 €/mês, como líder executivo da CGD.
Choca ainda mais é poder auferir desta reforma (paga pelos contribuintes) ao fim de apenas um ano e nove meses!!!!!!
É uma autêntica VERGONHA e INJUSTIÇA!!!
Um abraço amigo.

A. João Soares disse...

Caro Luís,

Está provado que eles vão para a política para enriquecer e não para bem dos portugueses. Preparam a máquina do Estado, as leis, a Justiça, tudo para estar ao serviço deles Nos Países de direito, civilizados, a lei é igual para todos e essas grandes diferenças entre os políticos e os outros não existem.
Portugal é um antro pior do que a caverna do Ali-Babá, porque esta só tinha 40.

Um abraço
João
Do Mirante

Luis disse...

Caro João,
A raiva começa a espumar com tanta "artimanha" para gaudio de alguns e desgraça de muitíssimos!Estamos na caverna mas não a do Ali-Bábá, como referiste, pois nesta há bem mais que 4.000... e todos uns piores que os outros!!!
Um abraço amigo.